Saúde e bem estar

Brownie de Hallowen

PUBLICADO EM: 31 de outubro de 2019

É halloween!

A data dos mortos-vivos possui um grande histórico, contando com relatos de existir há mais de 3 mil anos!

Sua origem veio dos povos celtas que acreditavam em diversos Deuses que poderiam ser relacionados com animais ou forças da natureza. Nisso, em sua cultura no dia 31 de outubro, acreditava-se que os mortos ganhavam vida e se incorporavam nas pessoas vivas, por isso eram usadas fantasias e artefatos para que fosse possível se defender desses maus espíritos. Nessa época os povos celtas celebravam em um festival chamado Samhain que durava três dias, comemorando o fim do verão e a chegada do inverno, onde para eles era considerado uma aproximação de outro mundo, ou seja, o mundo dos mortos.

A data durante a Idade Média ganhou conhecimento da Igreja Católica, do qual condenava as comemorações que passou a chamar de “Dia das Bruxas”. Mas após isso a data foi cristianizada tornando a celebração para “todos os santos” da onde surge o nome usado hoje em dia da língua inglesa “All Hallow’s Eve” (Véspera de Todos os Santos). 

Nos Estados Unidos, a data é ainda mais popular do que em outras regiões do mundo, sendo até mesmo feriado e grande valor comercial. Neste dia, crianças usam fantasias e vão as ruas dizendo de porta em porta “Doces ou travessuras” (trick or treat, em inglês).  No Brasil a data não possui o mesmo clima dos países do Norte, mas também é celebrada principalmente por estabelecimentos que criam suas temáticas e cursos de línguas estrangeiras que aproveitam para ensinar sobre outras culturas fora do Brasil.

 

Símbolos presentes no Halloween:

Laranja, preto e roxo: As cores representam na cultura dos celtas onde era comemorado no início do outono do qual vinham as folhas laranjas e os dias se tornavam mais escuros.

Lanterna de Abóbora: A tradição das abóboras começou nos Estados Unidos e é usada como decoração em vários lugares. Nos povos celtas eram utilizados nabos com lanternas dentro onde espantavam o mal.

Máscaras e fantasias: Para os povos celtas, a fantasia servia para que no dia do Samhain os espíritos soltos não fossem capazes de identificar os verdadeiros humanos.

Esqueletos e Fantasmas: Os celtas acreditavam que os espíritos assumiam as formas de esqueletos e fantasmas nesse dia.

Morcegos: Eram atraídos nos festivais celtas por causas de suas fogueiras.

Doçuras ou Travessuras: A frase faz parte da tradição do Halloween, nos anos 50 e nos dias atuais onde as pessoas fantasiadas batem nas portas e perguntam “Doçuras ou travessuras?” onde quem atende pode dar doces ou dinheiro se não ganhará a travessura em sua casa.

 

Que tal aproveitar essa data com uma receita de brownie especial e totalmente temático?

Ingredientes para o brownie:

250g de chocolate meio amargo

250g de manteiga

200g de açúcar

100g de farinha de trigo

½ colher (café) de sal

4 ovos

 

Modo de preparo:

1. Misture num bowl o açúcar, a farinha e o sal. Reserve.

2. Derreta o chocolate com a manteiga (em banho-maria).

3. Junte os ovos ao chocolate, um por vez.

4. Misture delicadamente o creme aos ingredientes secos que estão no bowl.

5. Coloque a mistura numa forma untada (20 x 28 cm) e asse em forno médio 170ºC até estar firme (aproximadamente 35 minutos).

 

Recomendados

Destaque

Cabe dizer que ao longo dos últimos 20 anos, [...]

Destaque

O Programa de Alimentação do Trabalhador [...]

Gestão de pessoas

Você sabia que quatro em cada dez brasileiros [...]