Saúde e bem estar

Setembro Amarelo

PUBLICADO EM: 18 de setembro de 2020

Setembro Amarelo

Setembro é o mês em que é realizada a campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio. A campanha ‘Setembro Amarelo’ foi criada no Brasil em 2015, pelo Centro de Valorização da Vida (CVV), Conselho Federal de Medicina (CFM) e a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP).

Origem

A origem do Setembro Amarelo está relacionada com a história de Mike Emme, nos Estados Unidos. Em 1994, Mike cometeu suicídio, com apenas 17 anos. Infelizmente nem a família, nem os amigos de Mike, perceberam os sinais de que ele pretendia atentar contra sua própria vida.

No funeral, os amigos montaram uma cesta de cartões e fitas amarelas com a mensagem: “Se precisar, peça ajuda”. A ação ganhou grandes proporções e expandiu-se pelo país.

A partir daí a fita amarela foi escolhida como símbolo da data. Em 2003, a Organização Mundial da Saúde (OMS) instituiu o dia 10 de setembro para ser o Dia Mundial da Prevenção do Suicídio.

Como podemos ajudar na prevenção do suicídio?

Devemos ter em mente que cada pessoa tem seus motivos e formas de se sentir. Para algumas pessoas é um pensamento intrusivo e potente, para outras pode ser vista como uma forma de  “alivio”.

É muito importante perceber os sinais de alerta que uma pessoa emite. Se você perceber que a pessoa está perdendo interesse pelas atividades de que gostava, não tem mais a mesma produtividade, está isolando-se de amigos e parentes, descuidando-se da aparência ou diz muitas frases relacionadas à morte, isso pode ser sinais de que aquela pessoa está precisando de ajuda.

Procure conversar, sem julgar, e aberto a escutar o que a pessoa tem a dizer.

Cuidando da mente

Quando se fala em saúde mental ainda há um tabu enorme. Muitas pessoas tem preconceitos sobre o assunto, alguns pensam que a questão da saúde mental é para “doido ou maluco”, e dizem: “não preciso disso”, é “frescura”, é “desperdício de tempo”. Existem pessoas que tem medo de falar sobre suas emoções e sentimentos, acham vergonhoso, ou aquelas que acham que saúde mental é um luxo, e somente os ricos podem desfrutar dela.

Alguns hábitos para manter a saúde mental

Aceitar-se como você é e viver a sua própria vida.  Não queira ser como outra pessoa, seja você mesmo, goste de quem você é. Mas, se mesmo assim, sentir que algo não está como você gostaria. Vá atrás da sua felicidade.

Mantenha-se ativo diariamente, faça atividades físicas, estude, se empenhe em uma atividade.

Adquira novas habilidades, exercite seu cérebro: que tal tentar um novo hábito, melhorar um comportamento, aprender a tocar um instrumento, fazer um tipo de artesanato.

Recomendados

Gestão de pessoas

O dia 20 de novembro é um dia de reflexão e [...]

Saúde e bem estar

As causas mais comuns entre os afastamentos [...]

Saúde e bem estar

Novembro Azul é uma campanha de [...]